Carga tributária de presentes para o dia dos pais se aproxima dos 80%

Dentre os produtos cogitados para presentear os pais nesse ano, os perfumes são os itens que mais possuem a maior  carga tributária. O percentual mais elevado é o do perfume importado, com 78,99%; já o produto nacional tem 69,13% do seu valor destinado aos governos federal, estaduais e municipais. Os dados estão no levantamento realizado pelo Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação – IBPT.

Alguns dos presentes escolhidos pelos filhos nesta data são as peças de vestuário, como a calça jeans, que possui encargo de 38,53% e a calça de tecido, que têm 34,67%. Ao lado desses itens, estão outros acessórios com alto percentual de tributos como camisas, também com 34,67%; gravatas, com 35,48%; sapatos, com 36,17%; e relógios, com 53,14% de tributos.

Se a programação para o Dia dos Pais envolver passeios, saiba que eles também são tributados. Para esse feriado, os mais comuns são o almoço ou jantar em restaurantes, que tem 32,31%; seguidos pela ida ao teatro ou cinema, cujo ingresso tem embutidos 30,25% de tributos.

De acordo como presidente-executivo do IBPT, João Eloi Olenike, “muitos brasileiros optam por presentear os entres queridos com itens eletrônicos, que devido, ao processo de industrialização, tem incidência do Imposto sobre Produtos Industrializados – IPI. No caso dos presentes importados, como os perfumes, a incidência do Imposto de Importação faz com que a compra do presente ideal pese ainda mais no bolso do contribuinte”.

Veja a carga tributária de presentes para o Dia dos Pais

ProdutoCarga tributária
Perfume Importado

78,99%

Perfume nacional

69,13%

Aparelho MP3 ou iPOD

49,45%

Bola de futebol

46,49%

Calça (tecido)

34,67%

Calça Jeans

38,53%

Câmera fotográfica

44,75%

Camisa

34,67%

Gravata

35,48%

Óculos de sol

44,18%

Relógio

53,14%

Sapatos

36,17%

Teatro e cinema

30,25%

Telefone celular

33,08%

Água de colônia (nacional)

50,38%

Almoço em restaurante

32,31%

 Fonte: Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação – IBPT

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *